Logo Somos Tera
Nossos Cursos
somostera

Uma comunidade de pessoas apaixonadas por educação e tecnologia.

Economia digital: o que é e como se destacar nesse mercado

  • Por: Redação Tera
  • Data: 20, jan 2021
7 min de leitura

A transformação digital mudou tudo, inclusive nossas formas de trabalhar e conduzir negócios. Saiba como você pode se inserir na economia digital.

Photo by Bethany Legg on Unsplash


Produtos inovadores, empresas unicórnio, carreiras que não existiam há 10 anos e dados por todos os lados: essas são apenas algumas características da economia digital. Mais um fato importante sobre esse mercado é que ele não está nem um pouco estagnado. Afinal, o fio condutor é a transformação digital, que torna o futuro imprevisível.

Conhecer quais fatores definem e impactam a economia digital é nada mais que entender o contexto em que vivemos — e como podemos fazer parte dele de forma ativa, em vez de ficarmos apenas na plateia. 

Neste artigo, vamos compartilhar com você os principais aspectos desse novo momento do mercado. Além disso, vamos dar algumas dicas para profissionais se destacarem nessa economia e acompanharem todas as mudanças. Continue a leitura e confira!

O que é a economia digital?

A economia digital é chamada assim por unir pessoas, negócios, ferramentas, dados e processos por meio de um ambiente e tecnologias digitais. Esse modelo tem impactado a sociedade de forma que nossa relação com produtos e serviços mudou, nossas interações humanas foram afetadas e a forma como empresas atuam no mercado também se transformou.

Uma das principais características da economia digital é sua fluidez. Tudo evolui muito rápido e a adaptabilidade se torna uma qualidade essencial, seja para profissionais, seja para negócios.

Essa aceleração — que deixa muita gente com a sensação de não conseguir acompanhar — é consequência do processo de transformação digital que, como o próprio nome sugere, continua acontecendo. É um erro pensar que existe um ponto final nesse percurso. O uso da tecnologia continua sendo repensado e ressignificado, dando origem a novas ideias e melhorias para nossa sociedade.

É por isso que a economia digital não é liderada pelas empresas mais antigas e experientes no mercado, mas sim por aquelas que abraçaram a transformação digital e entenderam que é preciso estar em constante evolução. São elas que têm criado valor por meio de inovação e soluções para o cotidiano das pessoas.

Por isso, por mais que seja uma certa ‘correria’, acompanhar a maratona da economia digital é fundamental para profissionais que desejam fazer parte das mudanças positivas que queremos para o futuro.

Se você já começou a apertar o passo, é importante conhecer outros aspectos desse cenário. Um deles, que está no centro de todos os processos, é o uso dos dados. A digitalização da economia permitiu que uma quantidade impressionante de dados fosse criada e armazenada. Dados são a principal fonte de valor para empresas, por isso profissionais precisam descobrir como usá-los a seu favor — é o que chamamos de data literacy

Em um artigo da Deloitte, o professor Walter Brenner, da Universidade de St. Gallen, na Suiça, explica que “o uso agressivo de dados está transformando modelos de negócios, facilitando novos produtos e serviços, criando novos processos, gerando maior utilidade e inaugurando uma nova cultura de gestão”.

A economia digital também está sendo definida por colocar pessoas usuárias no centro. A preocupação com a experiência de quem consome tem guiado as empresas de maior sucesso nesse mercado. Pensar em soluções inovadoras e relevantes para o público se tornou essencial. Do contrário, como captar a atenção de pessoas que têm tantas possibilidades de escolha ao consumir?

Como se destacar nesse mercado?

Mais um fato sobre a economia digital é que ela provocou o surgimento de novas profissões, relacionadas à criação de produtos digitais, interação com consumidores e manipulação de dados e sistemas. Entre as carreiras digitais que estão em ascensão, podemos citar analistas e cientistas de dados, product managers, profissionais de customer service, customer experience e desenvolvedores.

Quer saber como se destacar no mercado da economia digital? Separamos algumas dicas a seguir.

Abraçar o aprendizado constante

Se as empresas estão precisando se adaptar constantemente à nova economia, quem quer atuar nessas organizações precisa seguir a mesma mentalidade aberta à aprendizagem. Os processos de upskilling e reskilling precisam fazer parte da rotina de profissionais do futuro. Eles significam a atualização de habilidades e a aquisição de novas habilidades, respectivamente.

Alguns ações para quem quer abraçar o aprendizado constante são: 

  • mapear e entender quais habilidades e competências são importantes no seu contexto; 

  • ter proatividade no aprendizado, indo atrás das informações que vão ajudar no seu desenvolvimento;

  • saber encontrar os caminhos mais rápidos para adquirir conhecimento de valor;

  • se conectar com quem pode alavancar seu aprendizado, por meio de mentorias e networking.

Desenvolver suas soft skills

As ferramentas tecnológicas permitiram a automatização de diversos processos antes feitos por pessoas. Com isso, empresas inseridas na economia digital passaram a valorizar ainda mais as características humanas de profissionais. São as chamadas soft skills: competências de ordem emocional e social que tornam as relações no ambiente de trabalho mais harmônicas e produtivas.

Por isso, desenvolver soft skills deve fazer parte do seu processo de evolução profissional. A busca por qualidades como inteligência emocional, criatividade, adaptabilidade e empatia precisa ser constante. Além disso, competências como visão analítica, raciocínio lógico e capacidade de comunicação são cada vez mais fundamentais.

Criar um leque de habilidades

Outro fator importante para ter uma boa performance na economia digital é desenvolver seus conhecimentos em múltiplas direções. Assim, você terá um leque de habilidades que te garante versatilidade na atuação.

Por mais que a especialização em uma área seja necessária, a visão ampla sobre outras disciplinas vai ajudar você a ‘falar várias línguas’ no ambiente de trabalho, permitindo que você atue em times multidisciplinares — cada vez mais comuns em empresas digitais —, ou mesmo faça uma transição de carreira mais suave, se desejar.

Usar a tecnologia como aliada

Se você ainda vê a tecnologia como uma ameaça, precisa começar a mudar seu pensamento sobre o tema. Para atuar na economia digital, é necessário enxergar Analytics, Inteligência Artificial, ferramentas de automação e digitalização como aliadas no seu trabalho.

Em vez de desconfiança e medo de não conseguir dominar esses recursos, que tal investir no seu aprendizado e descobrir como cada uma dessas tecnologias pode otimizar sua rotina e impulsionar sua performance? Você com certeza pode ir muito mais longe aproveitando todos os benefícios da transformação digital.

Depois de conhecer todas as características da economia digital, esperamos que você tenha percebido o grande potencial de se inserir nesse mercado tão dinâmico e promissor. Afinal, com novas profissões em ascensão e outras em declínio, essa é uma questão de sobrevivência no futuro do trabalho.

….

Como falamos, se atualizar constantemente é um grande trunfo para atuar no contexto atual. Por isso, convidamos você a conferir nosso e-book gratuito com as principais tendências para carreiras digitais que vão te ajudar a estar sempre um passo à frente em 2021.

Banner e-book tendências para carreiras digitais

Posts Relacionados

9 min de leitura

Qual é o futuro do trabalho? Entenda a visão de especialistas de mercado

Onde estamos e para onde vamos no futuro do trabalho? Descubra o que pensam Leandro Herrera, Clara Cecchini e Alex Teixe...

Artigo Completo
11 min de leitura

15 termos que você precisa entender para atuar no futuro do trabalho

De tranformação digital à data literacy, de bootcamp à lifelong learning: descubra alguns conceitos que fazem parte da e...

Artigo Completo
5 min de leitura

Upskilling e reskilling: qual a importância no futuro do trabalho?

As carreiras do futuro exigem novas habilidades e competências. Entenda como adquiri-las por meio dos movimentos de upsk...

Artigo Completo