Logo Somos Tera
Nossos Cursos
somostera

Uma comunidade de pessoas apaixonadas por educação e tecnologia.

Canais de Marketing: 15 opções e um método para escolher o ideal

  • Por: Redação Tera
  • Data: 25, mai 2021
10 min de leitura

Conheça 15 canais de Marketing Digital e descubra como escolher os ideais para a sua estratégia com o framework bullseye.

Foto de Mikael Blomkvist no Pexels

Escolher os canais de Marketing Digital pode ser uma das partes mais desafiadoras da elaboração da estratégia. 

No entanto, ao conhecer as diversas possibilidades e saber como usá-las da melhor maneira possível, com certeza você encontrará as ideais para alcançar os resultados desejados.

Neste conteúdo, você verá 15 possibilidades bem variadas para identificar os canais que farão você chegar ao público certo, no momento certo. 

No fim deste artigo, ainda vamos mostrar uma metodologia para acertar na decisão: o bullseye framework. Confira!

15 canais de Marketing Digital que podem fazer parte da sua estratégia

1. Facebook

As redes sociais são canais de distribuição em Marketing muito eficientes para várias áreas de atuação, e o Facebook é uma delas.

Apesar de novas redes terem surgido depois, ele continua sendo um local com alcance interessante para quem trabalha com Marketing Digital.

Na rede social, há a possibilidade de criar uma página específica para o negócio, o que ajuda a criar autoridade online e informar o público sobre questões relacionadas à empresa. 

2. YouTube

Se a sua audiência tem interesse em vídeos, o YouTube pode ser um dos canais de Marketing ideais para a sua estratégia.

A rede social é uma excelente plataforma para compartilhar conteúdos e atrair atenção para a sua marca.

3. Twitter

O Twitter pode ser usado especialmente para criar uma relação com as pessoas, compartilhar conteúdos mais interativos e que ajudem a construir a identidade da sua marca.

No entanto, assim como em outras redes sociais, lembre-se de não publicar apenas propaganda e conteúdos diretamente relacionados ao negócio. 

As pessoas buscam principalmente conteúdos educativos — e divertidos também, por que não? — quando acessam esses canais.

4. Instagram

O Instagram também é uma rede social com bastante potencial para o seu plano de Marketing Digital. Se você tem um perfil na rede, já deve ter percebido como ela está se inclinando cada vez para facilitar a conexão entre empresas e consumidores.

Por isso, marcas com fortes presenças no Instagram podem atingir um público enorme ao investirem em conteúdos atrativos e relevantes.

5. LinkedIn

O seu objetivo é formar conexões, alcançar decisores de empresas e/ou apresentar a sua marca de forma profissional para o mercado? 

Então nada melhor do que construir uma estratégia sólida no LinkedIn. Afinal, a rede social profissional conta com mais de 700 milhões de usuários no mundo! 

6. Site

Criar um site também é uma alternativa para quem quer investir em um canal de Marketing, principalmente para atrair tráfego direto. 

Nesse caso, os usuários chegarão ao site digitando a URL diretamente ou o nome da empresa no Google (ou em outros mecanismos de busca).

No entanto, isso só acontece se a marca já for conhecida ou a pessoa que está buscando já tiver tido algum contato anterior com a empresa e estiver buscando especificamente por ela. 

De qualquer forma, mesmo que inicialmente não atraia tráfego direto, ter um site é interessante para centralizar informações importantes sobre o negócio, produtos e serviços oferecidos. 

7. Blog

Se você quer investir em uma estratégia de Marketing de Conteúdo, o blog é um dos canais de Inbound ideal.

Por meio de conteúdos educativos, elaborados seguindo a jornada da sua buyer persona e com o uso adequado das técnicas de SEO, você consegue: 

  • fortalecer a imagem da marca;

  • atrair potenciais clientes;

  • mostrar que o seu negócio oferece o que eles precisam.

8. E-mail marketing

O e-mail está mais vivo do que nunca e pode ser um canal de Marketing bem interessante para se conectar com a sua audiência.

Enviar newsletters direcionando as pessoas para seus novos posts no blog ou com conteúdos promocionais são apenas duas das possibilidades para quem quer investir nessa ferramenta de Marketing Digital.

O importante aqui é não lotar a caixa de entrada das pessoas com e-mails irrelevantes e apenas divulgando os seus produtos. 

Lembre-se de entregar algum valor para que as pessoas se sintam conectadas com a sua marca e tenham interesse em consumir o conteúdo que você produz e, claro, o que você vende.

9. Podcast

Já reparou em como os podcasts estão dominando o mercado? Todo dia surgem novos programas sobre os mais variados temas!

Esse é um sinal de que há uma audiência fortemente interessada nesse formato, então, por que não aproveitá-lo na sua estratégia?

Os podcasts são ótimas ferramentas para se comunicar com o público de uma maneira dinâmica, leve e criativa.

10. Chatbot

Muitas pessoas pensam que chatbots ou chats ao vivo servem apenas para tirar dúvidas específicas das pessoas que entram em contato com a sua marca. 

No entanto, oferecer essa facilidade é uma maneira de melhorar a experiência dos usuários — quer uma ação de marketing melhor do que essa?

Mostrar que se preocupa com as pessoas que interagem com o seu negócio e entregar as respostas com agilidade ajuda a criar uma boa relação e fazer uma propaganda positiva da empresa.

11. Webinar

Fazer eventos online no formato de webinar ajudam a atrair atenção para a marca e conquistar novas audiências. 

Ao usar esse canal, você ainda pode fazer parcerias para ampliar o alcance e usar o espaço para tirar dúvidas frequentes da sua persona.

12. Google Meu Negócio

Essa é uma ferramenta gratuita do Google que facilita que as empresas sejam encontradas nas buscas.

Para usar o recurso, basta criar o perfil do seu negócio, adicionar as informações e gerenciar a maneira como ele aparece para as pessoas. 

Horário de funcionamento, endereço, site, fotos e outros dados relevantes devem ser adicionados para melhorar a interação das pessoas com a sua marca.

13. Mídia paga

Nas primeiras dicas, falamos bastante de redes sociais, certo? E agora vamos falar de mídias pagas, um recurso que pode ser usado em vários canais e serve para atrair tráfego por meio de anúncios segmentados.

Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e até Pinterest Ads são algumas das possibilidades. Mas o Google também tem a sua plataforma de anúncio que pode ser usada para conquistar visibilidade online para o seu negócio.

14. Vídeos ao vivo

Fazer vídeos ao vivo, as famosas lives, é uma maneira de engajar o público e entregar conteúdo em formatos diferentes e mais interativos.

Os vídeos têm ganhado espaço nas mais variadas plataformas, mas o que importa é encontrar um local onde a sua audiência esteja presente e interessada para aumentar as chances de sucesso da live e atingir os resultados desejados!

15. Influenciadores digitais

Sabia que influenciadores digitais também podem ser canais de Marketing lucrativos?

Nessa estratégia, os negócios criam parcerias com influenciadores alinhados aos seus nichos de atuação para promoverem suas marcas. 

Como os influenciadores têm uma audiência consolidada e que confia nas suas indicações, essa é uma excelente maneira de fortalecer a audiência da sua empresa e conquistar novas pessoas.

Como escolher os principais canais de Marketing usando o framework bullseye

Com tantos canais de Marketing para usar, pode ser difícil escolher os ideais para a sua estratégia, não é mesmo?

A boa notícia é que dá para escolher mais de um e, muitas vezes, isso é necessário para alcançar todo o público que você precisa.

Contudo, também não dá para apostar em todos os canais e acabar se perdendo ou, pior, desperdiçando tempo e dinheiro.

Para fazer uma decisão acertada, existem algumas metodologias, e o framework bullseye é uma delas. 

bullseye-framework-portugues-canais-marketingClique no bullseye framework para ampliar a imagem e fazer o download.

Comece pensando em três camadas: 

  • externa, e maior de todas, com todos os canais;

  • mediana com os canais mais interessantes para a sua empresa;

  • interna, menor e mais relevante, com os três canais essenciais — aqueles em que você precisa focar, provavelmente por que é onde a sua audiência está presente com mais força.

Veja a dica de Riza Braga, fundadora e CEO do Grupo Horta e professora do curso de Marketing Digital da Tera, para aplicar o bullseye no seu negócio:

"Você pode se pensar: sei que tem vários canais, sei é importante ter uma mensagem de dor e de solução. Mas, por onde eu começo, qual canal eu escolho primeiro? 

O framwork bullseye considera todo tipo de canal que você pode usar. Primeiro, pense em três canais essenciais e preencha o espaço de dentro. 

Depois, escolha mais seis canais secundários para o círculo externo. O grande objetivo do bullseye é focar e mensurar os resultados comparativamente."

Entenda a sua persona para definir os canais certos

O framework bullseye é uma ótima ferramenta para definir os melhores canais de Marketing Digital. 

No entanto, esse processo pode ser muito mais difícil, ou até mesmo impossível, se você não souber exatamente quem é a sua persona, seus desejos e necessidades.

Mas não se desespere se isso ainda não está 100% definido no seu negócio! 

Assim como para quase tudo no Marketing, já existem ferramentas para facilitar esse processo. Uma delas é o mapa de empatia! Já ouviu falar?

Confira o nosso artigo para aprender a criar um mapa de empatia com um canvas completo e elaborar estratégias ainda mais alinhadas à sua persona!

Posts Relacionados

7 min de leitura

6 formas de criar seu portfólio de Marketing - mesmo sem experiência

Veja por que e como criar o seu portfólio de Marketing mesmo sendo iniciante na área.

Artigo Completo
8 min de leitura

Marketing Digital para pequenas empresas: 3 dicas para começar

Entenda o potencial Marketing Digital para pequenas empresas e veja como começar a sua estratégia.

Artigo Completo
8 min de leitura

Marketing Analytics e o uso de dados na criação de campanhas e estratégias

Entenda o que experts falam sobre como o Marketing Analytics ajuda a transformar os dados em resultados na sua estratégi...

Artigo Completo